Dispomos de programas para dar cumprimento às novas Regras de Facturação para 2013

Deixam de existir todos documentos equivalentes a faturas (Vendas a dinheiro, talões, faturas-recibo, etc.), sendo todos eles substituídos por faturas.

Passa a ser obrigatório a emissão de faturas em todas as transações comercias, mesmo as de baixo valor (vendas inferiores a 10€).

Passa a existir um novo documento, denominado fatura simplificada para compras até 1000 euros (comparável com o actual talão de venda).

As coimas aplicadas pelo não cumprimento destas regras, terão um valor mínimo de 150.00 € e um máximo de 3.750,00€ para o sujeito passivo e os compradores que não peçam fatura nos casos em que a lei assim obriga são punidos com uma coima entre 75.00 € e 2.000,00€;

Os sujeitos passivos sem sistema informático de faturação, são obrigados a comunicar todas as operações realizadas, no portal das finanças no mesmo dia ou no dia seguinte à realização das mesmas, todos os dias.

Os sujeitos passivos com sistema informático de faturação, são obrigados a comunicar todas as operações realizadas, até ao dia 8 do mês seguinte ao da emissão da fatura, através do envio do ficheiro SAFT.

Pode optar também por usar o nosso programa que envia em tempo real os documentos para as finanças ou elabora o ficheiro SAFT.

Não pode ser alterada durante o ano fiscal, a forma como o sujeito passivo escolhe efetuar a primeira comunicação das operações realizadas.

Estas obrigações legais entram em vigor a 1 de Janeiro 2013.

Poderá aceder ao comunicado completo da AT aqui ou aceder às FAQs da AT aqui

Teremos todo o gosto em fazer uma análise gratuita à sua empresa, de forma a lhe podermos apresentar uma solução às suas necessidades.

Envie-nos um e-mail para comercial@pmrleiria.pt para agendarmos a nossa visita.